terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

* "Obreiro Aprovado"

A Convocação do Jovem Timóteo.


"Eu vos escrevi,
 pais, 
porque já conhecestes aquele que é desde o princípio. 
Eu vos escrevi,
 jovens, 
porque sois fortes, 
e a palavra de Deus está em vós, 
e já vencestes o maligno.

Não ameis o mundo,

nem o que no mundo há.
 Se alguém ama o mundo, 
o amor do Pai não está nele."
I João 2: 14 e 15

"Ninguém despreze a tua mocidade;
[...]
I Timóteo 4: 12a

          Essas palavras de Paulo ao seu filho na fé, Timóteo, fazem menção à pouca idade de Timóteo e ao alto nível de envolvimento em relação à igreja  e à obra do Senhor na terra.
     A minha mocidade não pode ser desprezada nem por mim, nem pelas pessoas e muito menos pelo diabo. O Senhor me chamou porque sou forte e a palavra de Deus está em mim, diz I João 2: 14.
          
O Convite que Mudaria toda a História de Timóteo.

"E chegou a Derbe e Listra. 
E eis que estava ali um certo discípulo por nome Timóteo, 
filho de uma judia que era crente, 
mas de pai grego;"
Atos 16: 1

          É muito provável que Timóteo e sua mãe tenham se convertido pela pregação de Paulo durante sua primeira viagem missionária.

"E,
 tendo anunciado o evangelho naquela cidade 
e feito muitos discípulos,
 voltaram para Listra, e Icônio e Antioquia,
Confirmando os ânimos dos discípulos,
 exortando-os a permanecer na fé,
 pois que por muitas tribulações 
nos importa entrar no reino de Deus."
Atos 14: 21 e 22

          Neste momento Timóteo teria 13 anos de idade...
          Timóteo tornou-se seguidor de Jesus em uma das visitas de Paulo. Ele já era conhecedor das leis, pois sua  mãe era judia e o criou dentro dos ensinamentos do seu povo. O próprio apóstolo convidou Timóteo por conta do seu bom testemunho para segui-lo em sua viagem missionária. "Paulo quis que Timóteo fosse com ele", o apóstolo viu algo em Timóteo que não viu em mais ninguém e esse "detalhe" mudou o curso natural que sua vida seguiria.

Entender que você sempre terá que seguir alguém
 é prioritário para o crescimento do obreiro aprovado.

"E chegou a Derbe e Listra. 
E eis que estava ali um certo discípulo por nome Timóteo,
 filho de uma judia que era crente, 
mas de pai grego;
Do qual davam bom testemunho
 os irmãos que estavam em Listra e em Icônio.
Paulo quis que este fosse com ele; 
e tomando-o, 
o circuncidou,
 por causa dos judeus que estavam naqueles lugares; 
porque todos sabiam que seu pai era grego."
Atos 16: 1 a 3

          O texto acima relata a segunda viagem missionária de Paulo, por volta do ano 50 d.C. Timóteo agora com 19 anos, foi circuncidado - "por causa dos judeus que estavam naquele lugar".
          Paulo se tornou um "pai" na fé para esse discípulo. Um mentor que o ajudou a desenvolver sua fé até que Timóteo se tornou um grande líder da igreja do Senhor Jesus Cristo daquela época, e é lembrado até os dias de hoje.

Onde está o Sucesso?

Com 13 anos entregou sua vida para Jesus, com 19 decidiu partir para a obra missionária juntamente com Paulo, aos 30 anos aproximadamente, recebe a responsabilidade de bispo da igreja de Éfeso.

"Como te roguei, 
quando parti para a Macedônia, 
que ficasses em Éfeso,
 para advertires a alguns, 
que não ensinem outra doutrina,"
I Timóteo 1: 3

Ser bem sucedido é objetivo de todo ser humano.


          Mas para o homem e a mulher de Deus o que é ser bem sucedido?
          Timóteo foi um cristão bem sucedido porque ele não ficou dividido em suas escolhas. A conversão dele ao Evangelho foi genuína e sem reservas:

"[...]
e que serviu comigo no evangelho,
como filho ao pai."
Filipenses 2: 22

          Timóteo não serviu a Paulo, mas serviu no Evangelho com Paulo. Timóteo era leal ao seu ai na fé, mas seu coração era do Senhor, seu verdadeiro remidor e libertador.

"[...]
trago na lembrança a sua fé não fingida
[...]"
II Timóteo 1: 5

          Timóteo não viveu um Evangelho barato, nem "pelas metades", ele tocou o coração do conhecido apóstolo Paulo, mas principalmente tocou o coração do Senhor.


"E logo Jesus,
conhecendo que a virtude de si mesmo saíra, 
voltou-se para a multidão, 
e disse: 
Quem tocou nas minhas vestes?
E disseram-lhe os seus discípulos: 
Vês que a multidão te aperta, 
e dizes: 
Quem me tocou?
E ele olhava em redor, 
para ver a que isto fizera.
Então a mulher, 
que sabia o que lhe tinha acontecido, 
temendo e tremendo, 
aproximou-se, 
e prostrou-se diante dele, 
e disse-lhe toda a verdade.
E ele lhe disse: 
Filha, 
a tua fé te salvou; 
vai em paz,
 e sê curada deste teu mal."
Marcos 5: 30 a 34

          Podemos buscar em todo o Novo Testamento, e não será possível descobrir o nome dessa mulher. Não é possível descobrir sua genealogia, sua idade, ou qualquer outro detalhe. Resumindo: ela não era importante para ninguém, ela não era notada, mas um dia ela foi percebida.

          1º Ponto. "Quem tocou em minhas vestes?" (5: 30)
                          Jesus corrige: "...muita gente esbarrou em mim, trombou em mim, tropeçou em  mim, mas alguém me tocou!' O toque é diferente do esbarrão, toque acontece quando alguém busca o contato com Jesus de forma intencional e consciente. É possível sair vazio de um esbarrão com Jesus, mas jamais alguém que estende as mãos para tocar em Jesus sem que tivesse ouvido: "muito bem meu filho , tome aí a sua recompensa". Não importa a idade, a classe social ou intelectual, os que tocam em Jesus são pessoas bem sucedidas.

          2º Ponto. "De mim saiu virtude." (5: 30)
                          Seu uma pessoa bem sucedida não é um favorecimento particular. Ela tinha revelação de quem era Cristo. "porque pensava: se eu tão somente tocar em seu manto, ficarei curada." Você só será bem sucedido quando souber a quem serve, a quem você estica as mãos para tocar. Há muitas pessoas fazendo muitas coisas esperando reconhecimento humano, essas nunca serão bem     sucedidas, esticam as mãos, mas tocam a pessoa errada.

          3º Ponto. "Filha, tua fé te  salvou!" (5: 34)
                          Esse ponto mostra o amor e toda a bondade de Jesus. Apenas aquela mulher ajoelhada tem o foco de Jesus, é como se Jesus dissesse: "Eu quero te ver, te conhecer, olhar em teus olhos, me relacionar com você, saber o seu nome. Não quero distribuir milagres apenas, quero contato, quero me apresentar a você e quero que você se apresente a mim. Eu quero relacionamento, filha você buscou o milagre, mas eu te dou a salvação." Para Jesus uma pessoa bem sucedida é aquela que se relaciona com Ele.

          O sucesso de um homem de Deus, assim como Timóteo, não está ligado a produção, mas a representação. Timóteo representava a Cristo nessa Terra, entregou a vida para Jesus quando ainda era um adolescente, perseverou na fé, ainda que alguns parceiros de ministério naufragaram  e perderam o coração.

"Conservando a fé, 
e a boa consciência, 
a qual alguns, 
rejeitando,
 fizeram naufrágio na fé.
E entre esses foram Himeneu e Alexandre,
 os quais entreguei a Satanás, 
para que aprendam a não blasfemar."
I Timóteo 1: 19 e 20

          Timóteo decidiu, e decisões te levarão a ter conflitos,Timóteo respondeu corretamente a todos os conflitos, e rompeu com os dilemas da vida. Dilema é quando você quer os dois, "di", interessante que sempre estamos em dilema para escolher entre o bom e o bom, naturalmente escolheremos o que será melhor para nós. Haverá situações que, como servos do Senhor, que aquilo que parece bom para mim, não é bom para Deus, e o que é bom para Deus não me soa bem, aqui, exatamente nessa hora começa o nosso dilema. O que escolher? A quem agradar?

 "E formou o Senhor Deus o homem do pó da terra,
 e soprou em suas narinas o fôlego da vida; 
e o homem foi feito alma vivente."
Gênesis 2: 7

 "E o Senhor Deus fez brotar da terra
 toda a árvore agradável à vista,
 e boa para comida; 
e a árvore da vida no meio do jardim,
 e a árvore do conhecimento do bem e do mal."
Gênesis 2: 9


          Duas coisas boas, vida e conhecimento. Na vida do homem e da mulher de Deus sempre haverá dilema, os níveis são os mais diversos possíveis, mas sempre estarão presente as duas árvores.
         Lembre-se, tocar o Senhor depende de você!!!
         Está em suas mãos a decisão de ser um cristão bem sucedido, um obreiro aprovado!     

          Quatro bases que estabelecem um Ministério prevalecente.

          Quando lemos o livro de I Timóteo, percebemos que Paulo está escrevendo indicações e conselhos ao seu filho na fé. Veja que Paulo instrui a Timóteo no capítulo 1 especificamente sobre os falsos profetas daquela época. No capítulo 2, como deve ser o comportamento dos homens e mulheres daquela congregação. No capítulo 3, as recomendações são aos líderes e diáconos, os que já apoiavam o ministério e aos que futuramente seriam levantados. Mas no capítulo 4 as palavras são diretamente direcionadas a Timóteo. Veja que o apóstolo escreve totalmente guiado pelo Espírito Santo acerca de um problema que Timóteo enfrentaria.
        
"Mas o Espírito expressamente diz 
que nos últimos tempos apostatarão alguns da fé,
 dando ouvidos a espíritos enganadores,
 e a doutrinas de demônios;

Pela hipocrisia de homens que falam mentiras,
 tendo cauterizada a sua própria consciência;"
I Timóteo 4: 1 e 2

          O apóstolo Paulo continua o texto encorajando e antecipando a Timóteo sobre qual deveria ser a sua postura como líder daquela igreja.

"Propondo estas coisas aos irmãos,
 serás bom ministro de Jesus Cristo, 
criado com as palavras da fé 
e da boa doutrina que tens seguido.
Mas rejeita as fábulas profanas e de velhas, 
e exercita-te a ti mesmo em piedade;"
I Timóteo 4: 6 e 7

          Orientar os irmãos! Essa deveria ser a primeira tomada de decisão do jovem Timóteo. Orientar, fala de dar a direção, encaminhar, dirigir, informar, esse é o papel de todo cristão. Você aqui nesta terra esta como uma placa sinalizadora de trânsito. A sua função é garantir a direção correta a ser seguida, não obrigando as pessoas a te obedecer, mas por meio da sensibilização, obedecendo sempre a Palavra de Deus que é infalível.

"O céu e a terra passarão, 
mas as minhas palavras não hão de passar."
Mateus 24: 35

          Aprenda a aconselhar abrindo mãos das suas opiniões pessoais, se atente as opiniões do Senhor, oriente com base na Palavra de Deus, pois ela é infalível e perpétua.

          Primeira Base. Nutridos pelas palavras da fé.
                                     Inanição é o nome que se dá ao estado de debilidade extremo de uma pessoa que não se alimenta. Infelizmente, temos muitos cristãos, dentro da igreja, posso dizer até líderes, morrendo de inanição espiritual. Engana-se quem acredita que um culto de domingo, ou uma reunião no meio da semana, sustentará sua fé e proporcionará uma vida espiritual bem sucedida.

                                     Existem dois tipos de transformação: 
                                     1ª ) Com base na maquiagem.
                                            Só há um problema: Uma simples garoa danificará o trabalho que foi feito, e novamente sua realidade será exposta, suas mazelas poderão ser vistas por todos que olharem. 
                                     2ª ) Com base na alimentação.
                                            Da mesma forma é nossa vida espiritual, toda transformação que não seja com base na Palavra de Deus é maquiagem. 

                                     Transformação com base na Palavra é permanente, não acontece de uma forma para outra. Isso porque quem trabalha com mágica é o diabo. Deus trabalha com processo, a transformação é um processo, é como uma edificação que vai sendo construída por Deus, depois da consolidação não há temporal que possa destruir essa transformação.

"E Jesus lhe respondeu,
 dizendo:
 Está escrito que nem só de pão viverá o homem, 
mas de toda a palavra de Deus."
Lucas 4: 4

"E Jesus lhes disse: 
Eu sou o pão da vida; 
aquele que vem a mim não terá fome,
 e quem crê em mim nunca terá sede."
João 6: 35

          Comer de Jesus, é crer, é saber no espírito que Ele é a vida, e a vida está n'Ele, é uma convicção vinda dos céus de que não há nada mais importante do que estar n'Ele. Comer de Jesus, é viver a realidade do seu nome, Emanuel (Deus conosco).      
           Naquele tempo, o pão era o principal alimento, naturalmente para os judeus, o pão era símbolo de vida. Os judeus religiosos estavam preocupados em como "comer Jesus", por falta de entendimento não perceberam o que Jesus queria dizer. Jesus afirma que aquele que comesse da sua carne e bebesse do seu sangue teria a vida eterna, e ainda que morresse, no poder do Seu nome, ressuscitaria no último dia. 
                                            
          1º Ponto: os homens da Galileia queriam o pão para ficarem assim alimentados. Comer, era a preocupação deles, saciar a fome daquele momento, encher a barriga, ficarem satisfeitos. Para o homem natural a vida é simples,  nascer, crescer, trabalhar, comer, criar os filhos e morrer na velhice. No entanto, Cristo quando olha para o homem vê mais do que um vida natural, Ele nos vê como cidadãos dos céus, homens e mulheres santos e salvos, e Seus desejo é que cada um dos seus filhos viva nessa atmosfera, que você veja como ele vê. E como Cristo vê?

          2º Ponto: Jesus não vê como o homem vê. Jesus queria se apresentar como o pão que mantém a vida, como o pão que alimenta a vida. Aceitar a Jesus, não diz respeito a viver bem aqui na terra, mas além da vida natural, é a vida eterna.

"Comer de Cristo significa salvação no passado,
futuro e no presente."
Pr Naor Pedrosa 

          No passado fomos salvos no nosso espírito, quando nascemos de novo.
          No futuro seremos salvos no nosso corpo, recebendo um corpo glorificado.
          No presente estamos desenvolvendo a nossa salvação pela transformação da nossa alma, está havendo uma transformação constante em nossas vidas.

          Jesus é o pão da vida, o primeiro desafio para aquele que deseja se alimentar d'Ele é buscá-lo e trazê-lo para dentro de sua casa, para dentro da sua vida. O segundo desafio, é ainda maior: agora o pão da vida está dentro de você, e isso deve causar uma nova realidade, uma nova natureza, novos hábitos, você nasceu de novo, esse fato naturalmente causará vida inteiramente nova.

          Segunda Base: Seguindo a boa teologia.
                                    "siga a boa teologia", isso nos mostra que se há boa, também há a ruim.
                                    Teologia é a ciência que estuda Deus, sua natureza e seus atributos, do grego "theus" Deus, "logia" estudo.
                                    Podemos observar na Bíblia que todo tempo Jesus era rodeado por religiosos, eram doutores da lei, homens que conheciam decor e salteado, pentateuco, livros históricos e a vida dos profetas. Nessa época o império romano dominava a Palestina capital de Israel, cada judeu a seu modo se posicionava contra a opressão romana, existiam basicamente quatro partidos:
                                    a) Os essênios
                                    b) Os zelotas
                                    c) Os saduceus
                                    d) Os fariseus

                                    A teologia praticada pelos judeus daquela época era má, muito parecida com a que algumas igrejas contemporâneas praticam. O zelo pela tradição, liturgia e os costumes da igreja já tem sido mais importantes que as pessoas, e a organização nunca pode ser mais importante que o organismo. O pastor deve ensinar a doutrina positiva, a fim de que as pessoas saibam para onde estão indo. No entanto, também deve desmascarar as falsas doutrinas, a fim de que ninguém seja seduzido nem desencaminhado.
                                    Um obreiro aprovado sabe que a falsa doutrina é perigosa e se opõe a ela. Paulo a compara a um câncer (II Timóteo 2: 17). Esse câncer pode e deve ser exposto e removido. Somente e "sã doutrina" da Palavra de Deus pode manter a igreja saudável e em crescimento.

"Ai de vocês,
 mestres da lei e fariseus,
 hipócritas!
 Vocês são como sepulcros caiados:
 bonitos por fora, 
mas por dentro estão cheios de ossos 
e de todo tipo de imundície."
Mateus 23: 27

                                    Hipócrita = do teatro grego, usado para designar o ator durante seu trabalho de interpretação.    
                                    Túmulo caiado = um túmulo pintado de cal, por fora é alvo como a neve, mas por dentro está cheio de morte e imundícias.

"Se alguém se considera religioso,
 mas não refreia a sua língua, 
engana-se a si mesmo. 

Sua religião não tem valor algum!

A religião que Deus, 

o nosso Pai aceita como pura e imaculada é esta: 
cuidar dos órfãos e das viúvas em suas dificuldades
 e não se deixar corromper pelo mundo."
Tiago 1: 26 e 27

                                    Essa é a religião pura, essa é a teologia de Cristo, refrear a língua, amar o próximo e guardar o coração das paixões do mundo.

          Terceira Base: Rejeitando as falsas fábulas e os falatórios.
                                   
"Não se deixem enganar:
 as más conversações corrompem os bons costumes".
I Coríntios 15: 33      

                                   Falência e derrota são as garantias de caminhar com "más companhias".                                                 Veja o exemplo de Roboão filho de Salomão, neto do rei Davi: 

"Teu pai colocou sobre nós um jugo pesado,
 mas agora diminui o trabalho árduo
 e este jugo pesado, 
e nós te serviremos".

Roboão respondeu:

 "Voltem a mim daqui a três dias". 
Então o povo foi embora.

O rei Roboão perguntou às autoridades 

que haviam servido ao seu pai Salomão
 durante a vida dele:
 "Como vocês me aconselham a responder a este povo? "

Eles responderam: 

"Se hoje fores um servo desse povo e servi-lo,
 dando-lhe uma resposta favorável, 
eles sempre serão teus servos".

Roboão, 

contudo, 
rejeitou o conselho 
que as autoridades de Israel lhe tinham dito
 e consultou os jovens que haviam crescido com ele 
e o estavam servindo.

Perguntou-lhes:

 "Qual é o conselho de vocês?
 Como devemos responder a este povo que me diz: 
‘Diminui o jugo que teu pai colocou sobre nós’? "

Os jovens que haviam crescido com ele responderam:

 "A este povo que te disse:
 ‘Teu pai colocou sobre nós um jugo pesado; 
torna-o mais leve’ 
— dize: 
‘Meu dedo mínimo é mais grosso
 do que a cintura do meu pai.

Pois bem,

 meu pai lhes impôs um jugo pesado;
 eu o tornarei ainda mais pesado. 
Meu pai os castigou com simples chicotes; 
eu os castigarei com chicotes pontiagudos’ ".

Três dias depois,

 Jeroboão e todo o povo voltaram a Roboão, 
segundo a orientação dada pelo rei:
 "Voltem a mim daqui a três dias".

Mas o rei lhes respondeu asperamente. 

Rejeitando o conselho das autoridades de Israel,

seguiu o conselho dos jovens e disse:

 "Meu pai lhes tornou pesado o jugo; 
eu o tornarei ainda mais pesado.
 Meu pai os castigou com simples chicotes;
 eu os castigarei com chicotes pontiagudos".

E o rei não ouviu o povo,

 pois esta mudança nos acontecimentos 
vinha da parte do Senhor, 
para que se cumprisse a palavra 
que o Senhor havia falado a Jeroboão, 
filho de Nebate,
 por meio do silonita Aías."
I Reis 12: 4 a 15

                               Essa atitude do rei causou a divisão de Israel, entre "Reino do Norte", sobre a liderança de Jeroboão com dez das doze tribos, e "Reino do Sul" sobre a liderança de Roboão com apenas duas tribos.       
                               Saber com quem você anda é inevitável para saber onde você vai chegar.
                                Se caminhar com pessoas erradas e ouvir maus conselhos é prejudicial, andar sozinho não significa o contrário disso. 

"Um homem sozinho está sempre em má companhia."
Mário Sérgio Cortella 

                                Comprovo essa verdade com base bíblica usando um personagem muito conhecido, Sansão.    
                                 Por algumas vezes Sansão se equivocou no propósito pelo qual foi chamado, mas há algo que chama a atenção, em nenhum momento você vai ver Sansão acompanhado de algum amigo.                             
                                 No casamento de Sansão com a filha dos filisteus, seus padrinhos foram separados pelos filisteus, não havia um amigo ao seu lado.

 "Quando ele chegou,
 trouxeram-lhe trinta rapazes 
para o acompanharem na festa."
Juízes 14: 11

                                 Definitivamente Sansão andava sozinho. Quem anda sozinho chega mais rápido, mas não pode ir muito longe, um homem sozinho está sempre em má companhia. Timóteo encontrou o apóstolo Paulo, mais do que um líder, mais inclusive do que um tutor, Paulo e Timóteo eram amigos.           

          Quarta Base - Exercitando-se na piedade.
                                 É o mesmo que ter compaixão, e compaixão por sua vez é colocar-se no lugar do outro.
                                 O princípio da vida cristã é entender que a força de tudo o que você faz não parte de você, mas do Senhor. Não vem da terra, mas dos Céus, não vem de dentro, mas do Alto, não vem do homem, mas de Deus.

"  O exercício físico é de pouco proveito;
 a piedade,
 porém, 
para tudo é proveitosa, 
porque tem promessa da vida presente 
e da futura."
I Timóteo 4: 8

                                 Uma pessoa misericordiosa tem as marcas de Cristo, tornando-se uma pessoa afetiva, amorosa, pacificadora, bondosa, manso de espírito tanto para outrem como para consigo mesmo. Viva a piedade de Deus na sua vida e exerça a misericórdia para com o próximo, a pessoa que entende esse princípio se decepciona menos.

          Essas quatro bases descritas acima, formam em Timóteo um exemplo a ser seguido. Orientar os irmãos sobre esta base faria de Timóteo um bom ministro de Cristo. Segundo o apóstolo Paulo, um obreiro aprovado! Por isso Paulo afirma que apesar da pouca idade ele era um padrão para os crentes daquela época. 

          Autopreservação, 
        a primeira pá de terra para enterrar o seu chamado.

"...se você fala com Deus, 
você é um bom cristão, 
mas se Deus fala com você,
você é simplesmente maluco."
                                             Woody Allen         
                                                         
          Deus fala!!!
          Pessoas, livros, bíblia, sentimentos, sensações todas essas situações são usadas pelo Senhor para falar.

   "Então Balaão levantou-se pela manhã, 
e albardou a sua jumenta, 
e foi com os príncipes de Moabe.
E a ira de Deus acendeu-se,
porque ele se ia; 
e o anjo do Senhor 
pôs-se-lhe no caminho por adversário; 
e ele ia caminhando, 
montado na sua jumenta,
 e dois de seus servos com ele.
Viu, 
pois, 
a jumenta o anjo do Senhor, 
que estava no caminho,
 com a sua espada desembainhada na mão; 
pelo que desviou-se a jumenta do caminho, 
indo pelo campo;
 então Balaão espancou a jumenta 
para fazê-la tornar ao caminho.
Mas o anjo do Senhor pôs-se numa vereda entre as vinhas, 
havendo uma parede de um 
e de outro lado.
Vendo, 
pois, 
a jumenta, 
o anjo do Senhor,
encostou-se contra a parede,
 e apertou contra a parede o pé de Balaão;
 por isso tornou a espancá-la.
Então o anjo do Senhor passou mais adiante, 
e pôs-se num lugar estreito, 
onde não havia caminho para se desviar 
nem para a direita nem para a esquerda.
E, 
vendo a jumenta o anjo do Senhor, 
deitou-se debaixo de Balaão; 
e a ira de Balaão acendeu-se, 
e espancou a jumenta com o bordão.
Então o Senhor abriu a boca da jumenta,
 a qual disse a Balaão: 
Que te fiz eu,
 que me espancaste estas três vezes?
E Balaão disse à jumenta: 
Por que zombaste de mim; 
quem dera tivesse eu uma espada na mão, 
porque agora te mataria.
E a jumenta disse a Balaão:
 Porventura não sou a tua jumenta,
 em que cavalgaste
 desde o tempo em que me tornei tua até hoje? 
Acaso tem sido o meu costume fazer assim contigo?
 E ele respondeu: 
Não."
Números 22: 21 a 30

          Um animal foi usado por Deus.

 "Não é assim com o meu servo Moisés 
que é fiel em toda a minha casa.
Boca a boca falo com ele,
 claramente e não por enigmas;
 pois ele vê a semelhança do Senhor;
 por que,
 pois,
 não tivestes temor de falar contra o meu servo,
 contra Moisés?"
Número 12: 7 e 8

          Deus falava com Moisés face a face; claramente e não por enigmas.
          Willian MacDonald ilustra essa verdade dizendo que em nosso Universo físico, o sol está sempre brilhando. Contudo, nem sempre o vemos brilhar. A razão disso é que algumas vezes, nuvens densas interpõem entre nós e o sol. Assim acontece com o Senhor, Ele sempre está falando, mas Satanás põe várias barreiras para que não possamos ouvir e nos relacionar com Deus.
          As cartas escritas por Paulo, são palavras vivas até ao dia de hoje. Não poderia ser diferente, o apóstolo Paulo era uma "pena cheio de tinta", a qual Cristo movia.

"Paulo, 
servo de Jesus Cristo,
 chamado para apóstolo, 
separado para o evangelho de Deus."
Romanos 1: 1

"Paulo
 (chamado apóstolo de Jesus Cristo,
 pela vontade de Deus), 
e o irmão Sóstenes,"
I Coríntios 1: 1

"Paulo,
 apóstolo de Jesus Cristo, 
pela vontade de Deus, 
[...]"
II Coríntios 1: 1a

"Paulo, 
apóstolo
 (não da parte dos homens,
 nem por homem algum,
 mas por Jesus Cristo,
 e por Deus Pai, 
que o ressuscitou dentre os mortos),"

Gálatas 1: 1

                                   

Nenhum comentário:

Postar um comentário